"O melhor da gastronomia embalado para viagem."

... Cozinhar é também fazer poesia. É abrir ouvidos, olhos, boca e nariz para perceber o que faz sentido entre temperos e medidas. É entrar neste estado de coisas latentes e cavar o silêncio....
Juliana Venturelli

sábado, 14 de maio de 2011

Biscoito de nata e goiaba - Testado e aprovado. Aprovadíssimo!!!


BELISCÃO DE NATA E GOIABADA - Receita do blog cozinha é poesia - Testada e aprovada

Ingredientes
2 ovos (médios)
1 xícara (chá) de nata (retirada do leite integral)
1 colher (sopa) de manteiga
2 colheres (sopa) de açúcar
1 colher (sopa) de fermento em pó
2 e 1/2 xícaras (chá) de farinha de trigo – aproximadamente
Raspas de limão
400 g de goiabada cortada em tirinhas
Açúcar refinado para finalizar e envolver os biscoitos

Modo de fazer

Num recipiente coloque a nata, a manteiga, o açúcar e os ovos, misture bem, junte o fermento em pó e misture mais um pouco. Vá adicionando a farinha de trigo aos poucos, mexendo primeiramente com a colher e depois com a ponta dos dedos, até obter uma massa que dê para abrir com o rolo, porém ainda bem maleável. Não deverá ficar muito seca.

Divida a massa em três partes (fica melhor para trabalhar). Polvilhe a bancada com farinha de trigo e coloque um pedaço de massa, polvilhe-o com farinha de trigo também e estique com o rolo. Vá abrindo delicadamente e sempre levantado a massa movendo-a de lugar e tornando a polvilhar a bancada e a massa com farinha. Deixe-a fina, porém sem exagero, essa massa de nata é deliciosamente frágil.

Para facilitar o corte use uma régua de 30 cm (dessas comuns).





Primeiramente acerte as laterais da massa, logo em seguida corte-a em tiras, usando a régua na vertical (as tiras são da largura da régua). Agora corte as tiras em quadradinhos colocando a régua na horizontal.
Coloque uma tirinha de goiabada (na transversal) sobre cada quadradinho e só então feche um por um, começando a enrolar por uma das pontas.
Repita o processo até acabar com toda a massa.
Coloque os biscoitinhos numa assadeira untada e enfarinhada com um pouco de espaço entre eles.
Asse em forno médio (180º) preaquecido por cerca de 20 (ou menos) minutos. Eles costumam ficam mais dourados por baixo, não deixe muito tempo no forno. Sempre costuma vazar um pouco de goiabada na assadeira, se deixar muito tempo no forno quando for retirar os biscoitos da assadeira eles estarão grudados e irão se quebrar.
Assim que der para tocar, retire os biscoitos da assadeira e ainda quentes passe-os em açúcar refinado, principalmente as pontinhas.
Espere esfriar totalmente e somente então armazene em vidros bem tampados ou em sacos plásticos.


Rende cerca de 150 biscoitinhos
Linha de montagem...
Cortar primeiramente os biscoitos e somente depois começar a enrolar facilita e agiliza bastante o trabalho.


http://poesiaecozinha.blogspot.com/




12 comentários:

  1. gostei da receita nossa muito bom mesmo vou fazer ela hoje parece ser deliciosa ta de parabens em muito boum sz

    ResponderExcluir
  2. vOU FAZER AGORA...DEPOIS POSTO O RESULTADO!!!aTÉ.

    ResponderExcluir
  3. Moro na Suiça e para facilitar com que posso substituir a nata??

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ola também nao tinha nata e fiz com creme de leite sem soro e ficou perfeito uma delicia

      Excluir
    2. Também nao tinha nata e fiz com creme de leite sem soro e ficou perfeito uma delicia

      Excluir
  4. Ola ,moro na suiça e gostaria de saber com que posso substituir a nata??

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não sei o que vc poderia usar... Só fiz com a nata.
      Aí tem algum creme de leite que seja bem grosso e gorduroso?
      Se tiver acho que dá pra fazer...
      abraços
      Marta

      Excluir
  5. acabei de fazer e coloquei iorgute e duas colheres de margarina e coloquei fermente biologico

    ResponderExcluir
  6. já fiz usando creme de leite no lugar da nata, e ficou ótimo! só é preciso cuidar para não exagerar na goiabada, senão ela escorre e fica mais na forma do que no biscoito... rsrs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Usei uma goiabada cascão bem durinha.
      Funcionou bem.
      Aquelas goiabadas de segunda não funcionam. Derretem...

      Excluir
  7. Que saudades da minha mamãe, fazia sempre...E as chamava de Scones, sabor de infância, sabor de carinho... Adorei

    ResponderExcluir